Líder do PCC no Acre é preso em Goiás com R$ 1 milhão em cocaína, diz polícia - Giro Feijó

Post Top Ad

Responsive Ads Here
Líder do PCC no Acre é preso em Goiás com R$ 1 milhão em cocaína, diz polícia

Líder do PCC no Acre é preso em Goiás com R$ 1 milhão em cocaína, diz polícia

Share This
A Polícia Militar prendeu nesta terça-feira (31) cinco pessoas apontadas como integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC), facção com origem em São Paulo. O bando seria líder do Estado do Acre, segundo informações do Comando de Operações de Divisas (COD), que realizou as prisões. Pelo menos 10 quilos de cocaína tipo escama de peixe foram apreendidas com o grupo, quantia avaliada em cerca de R$ 1 milhão. Entre os detidos está Ricardo Willian Pinheiro da Silva, 33 anos, considerado líder da organização criminosa no Acre.
A captura dos cinco ocorreu em duas ações distintas efetuadas pelo mesmo grupo especializado da polícia. A primeira delas aconteceu em Senador Canedo, onde parte da quadrilha foi presa. Em Aparecida de Goiânia, onde vivia Ricardo, outra parte dos criminosos foi encontrada. Lá é que a droga foi apreendida. Além da cocaína, também foi encontrado 1,5 quilo de pasta base,, substância usada para o refino da droga.
“Esse era o criminoso que liderava o crime organizado do PCC no Acre. Ele estava foragido há seis meses, depois de romper o lacre de uma tornozeleira eletrônica. Veio para o Estado de Goiás, de onde distribuía drogas para Goiânia e Brasília. Os consumidores desse tipo de entorpecentes são pessoas de alto poder aquisitivo e o grama chega a custar R$ 120”, descreve o capitão Renyson Castanheira, que supervisionou a operação do COD.
Segundo a corporação, o crime é qualificado como tráfico interestadual de drogas, o que requer um inquérito desenvolvido pela Polícia Federal (PF). Por isso os presos e a droga, além de objetos usados para o tráfico, como balanças de precisão, foram apresentados à sede da PF, no Setor Serrinha.
Também foram presos na operação Manoelzinho Marques Carneiro dos Santos, de 57 anos, Edsildo José de Sousa Silva, de 50, Edson de Alencar Araújo, 33 e Cláudio Tomaz da Costa, de 34 anos
.
Fonte: Maisgoias

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Videos

Pages